Felipe Melo prioriza o Palmeiras e diz que não jogaria por River Plate e Corinthians

Maurício Galiotte, presidente do Palmeiras, já avisou que não vai renovar o contrato de Felipe Melo, mas o jogador ainda dá prioridade ao clube paulista

Com futuro ainda incerto, o volante Felipe Melo descarta jogar por River Plate, da Argentina, e Corinthians, os maiores rivais do Boca Juniors e do Palmeiras, respectivamente.

Felipe Melo tem contrato com o Alviverde até dezembro e a atual diretoria palestrina já avisou o experiente jogador que seu vínculo não será ampliado. A esperança do atleta de 38 anos é que tem eleição para presidente no Palmeiras em novembro, o que pode mudar sua situação no clube.

+ Felipe Melo, do Palmeiras, provoca o Atlético-MG: “Se não fosse o VAR, perdia as duas partidas contra o Boca”
+ Palmeiras pode promover estreia de Jorge contra o Flamengo
+ Time italiano tentou contratar Gabriel Menino; pedida do Palmeiras inviabilizou o negócio

Não, é como o Corinthians. Escutei que o Corinthians me queria. Como vou jogar no Corinthians? Uma parte minha é verde, não posso. E não é porque eu não gosto do Corinthians, é por respeito. Se amo o Palmeiras, como jogaria no maior rival? Eu nunca joguei pelo Boca, mas gosto do clube”, disse Felipe Melo ao canal argentino Tyc Sports.

“Eu dou a prioridade para o Palmeiras, porque fui campeão de tudo e sou capitão da equipe. Se o Palmeiras não me quiser e o Boca quiser, teremos que conversar. Aqui no Brasil, meu nome toma grandes proporções nos debates. Tenho que deixar claro que eu amo o Palmeiras. Caso o contrário, começam a dizer que eu estou querendo sair para o Boca ou para outro”, completou o jogador.

Após muito tempo jogando na Europa, Felipe Melo chegou ao Palmeiras em 2017 e fez história no clube do Palestra Itália. O Pitbull foi campeão brasileiro, da Copa do Brasil, da Copa Libertadores e do Campeonato Paulista com a camisa Alviverde.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.